História de Perolândia

A história de Perolândia teve inicio em meados do século XX, quando aqui chegou o senhor Geraldo Alves Vilela, comerciante e ‘capangueiro’ de diamante. Ele veio convidado pelo Sr. Altino de Carvalho proprietário da ‘Fazenda Brabeza’, então município de Jataí, para medir uma área de 25 hectares, destinada a uma loteamento inicialmente denominado Patrimônio que ficou sob a sua responsabilidade. Ficou assim o loteamento ‘Patrimônio’ nas mãos de um dos funcionários que em 1957, construiu sua casa e se tornou pioneiro. No dia 07 de outubro, do mesmo ano, ele já passou a morar no ‘Patrimônio’ e instalou o seu comércio que abastecia os moradores da região. A principal causa da fundação do ‘Patrimônio’ foi a extração de Peroba Rosa, para serem usadas na construção de Brasília.

Também a extração de minério (calcário), a agricultura e a pecuária foram um grande passo para povoamento do “Patrimônio”, o qual posteriormente recebeu o nome de Perolândia, devido a grande quantidade de Perobas Rosa existentes nesta região e que foram usadas na construção de Brasília. Geraldo Alves Vilela, o pioneiro de Perolândia, queria batizar o local de Jamica, em referência às três cidades próximas – Jataí, Mineiros e Caiapônia. Alguns defendiam Altinópolis, em homenagem ao proprietário das terras, Altino de Carvalho. Porém, os defensores da homenagem às perobas acabaram ganhando e deu-se à localidade o nome definitivo de Perolândia. As primeiras famílias que vieram para Perolândia foram: BERALDO, VILELA, ARAÚJO E PEREIRA, mas hoje, Perolândia conta com uma população miscigenada formada por descendentes das famílias pioneiras e por migrantes vindos principalmente do sul e nordeste do Brasil, além dos oriundos de cidades vizinhas, principalmente de Jataí, Mineiros e Caiapônia.

O povoado de Perolândia, foi elevado a Distrito de Jataí em 2 de dezembro de 1971. O Município foi criado através da lei estadual nº 11405, de 16 de janeiro de 1991, desmembrando de Jataí, tendo portanto, 21 anos de emancipação politica e administrativa. Porém, de acordo com a Lei Municipal nº 027/1997, o dia do município é comemorado, no dia 7 de outubro, data da instalação do pioneiro.

O município de Perolândia localiza-se na região Sudoeste do Estado de Goiás, tem cerca de 1.030 quilômetros quadrados de área e uma população de 2.950 habitantes (IBGE, 2010), distando 386 km da capital do estado, Goiânia. A principal atividade econômica de Perolândia é a pecuária, a agricultura, a extração de calcário e agora a produção de etanol e beneficiamento de algodão. Com a inauguração da Usina de Álcool e Bioenergia, e da Algodoeira, ocorridas no final de 2011 Perolândia, sofreu um rápido crescimento demográfico, passando a ter uma população estimada em 4.000 habitantes.

Pesquisa realizada por Joel Silva Brito